22:50

E eu sinto falta:

Postado por: Drika |


Sabe aquelas horas que você para pra fazer um balanço da tua vida? Eu percebi que, apesar de estar tudo dando certo em quase todos os aspectos, estou sentindo falta de algo muito importante pra mim. Depois que eu comecei a brincar de adulta, trabalhar o dia inteiro e estudar a noite, falta tempo para a coisa que eu mais amo fazer. Tá faltando tempo pra muita coisa e, embora eu esteja conseguindo dinheiro para todas as coisas que eu quero, não rola aquela plena satisfação, sabe?

Quase todo o dia algum ex colega meu de algum coral vem perguntar como eu estou e quando eu volto. Ah, quando eu volto? Ano que vem, se eu passar de ano. Daí eles me contam como estão as turmas, que músicas estão estudando, as apresentações que estão fazendo... Eu não consigo mais ficar sem cantar, e eu sou boa nisso.


E vocês, galere, sentem falta de algo que não podem fazer mais? Contem aí.

11 comentários.:

Lisiane disse...

sinto falta de tocar violão, de desenhar e ler livros que eu realmente gostaria de ler!

Drika disse...

Mas, Lisi, tu não tem tempo pra isso? Se tem, por que não o faz?

Lisiane disse...

nao tneho nao trabalho o dia inteiro e a noite estou fazendo um curso!

Drika disse...

Tá trabalhando? Que bom meu! Nem me contou também ._.

Pri Viotto disse...

Oii, bem conheci o blog de vocês a pouco tempo e agora sou uma frequentadora assídua. Parabéns pelo trabalho.

Sinto falta de ter alguém para assistir filmes e séries comigo no Spa do meu sofá com kilos de pipoca e refrigerante.

adriane disse...

Nossa, que bom que tem leitora nova!
Segue aí com a gente e não nos abandone!

Ah menine, beijao!

Pri Viotto disse...

Não vou abandonar não ahahah

Drika disse...

Tem twitter?
Pra gente se seguir e tal.
BEIJO

sergiohrds disse...

Minha vida social desde que eu comecei trabalho/faculdade, tomou uma vasta tesourada. Até por que eu sou um sujeito que faz questão de descansar.

Eu sou um sujeito chapado em ler, escrever, jogar bola/ir ao jogo e ouvir música. Mal me sobra espaço pra um e escapa do alcance da minha escolha sempre, nunca é voluntário. Tirando botar os pés num estádio de futebol, existe uma espécie de respeito de quem faz meus horários em relação a isso e lá tem meu mundinho paralelo. Muitas vezes a gurizada de vermelho correndo atrás da bola é a última das preocupações...

Falei demais, mas é que andei perdendo tanto que eu nem sei o que eu ganhei no meio do caminho.

adriane disse...

Que isso cara, aqui ninguem fala demais não! :)

Mano, estudos fodem tudo mêo.
qqq

sergiohrds disse...

Bah, pegou no nervo. Ainda se estudo ( não o estudo em si, mas do jeito que ele é aplicado ) conseguisse cruzar a linha da encheção de saco que nos alimenta, mas não...

Postar um comentário

Tua vez de falar agora!

Subscribe