Eis uma história mais do que curiosa, que prova que nem todo relacionamento acaba quando termina. Uma mulher de 62 anos, chamada Midori Assami, doou um de seus rins a seu ex marido, Celso de Paiva Asaami. Separados há 19 anos e pais de duas filhas, o casal viveu 21 anos juntos, e há cinco anos atrás, Celso começou a ter problemas nos rins.

Em uma tentativa de ajudar o pai, uma das meninas se dispõs a doar seu rim. Foi então que sua mãe interveio; não deixando a filha arriscar sua saúde. O transplante aconteceu na segunda feira, 31 de janeiro, e Celso já está em recuperação.

Matéria completa no G1.

3 comentários.:

Natureza disse...

Humanidade acima de qualquer coisa!
Não entendo porque tenha que existir ódio após o rompimento de uma relação.

Tá, eu entendi sim... mas não deveríamos odiar a quem um dia nós amamos né. Deveria ser assim, pelo menos!

Ministério disse...

Olá, blogueiro (a),

Salvar vidas por meio da palavra. Isso é possível.

Participe da Campanha Nacional de Doação de Órgãos. Divulgue a importância do ato de doar. Para ser doador de órgãos, basta conversar com sua família e deixar clara a sua vontade. Não é preciso deixar nada por escrito, em nenhum documento.

Acesse www.doevida.com.br e saiba mais.

Para obter material de divulgação, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

Atenciosamente,

Ministério da Saúde
Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/minsaude

Drikaaa disse...

Obrigada pelos comentários!

Sim, achei essa historia um exemplo legal de vida :)

Postar um comentário

Tua vez de falar agora!

Subscribe